Offroad, Crosscar e Camião Racing animaram Mação

Abril 23, 2012

Mesmo se a quantidade de participantes foi algo escassa, mesmo assim as três categorias do Offroad nacional animaram o muito público presente na Pista da Boa Vista, em Mação.

Começando pelo Crosscar, sempre espectacular, o Team Energia Racing dominou a seu bel-prazer, açambarcando todos os lugares do pódio, com Pedro Rosário com o seu Kartcross cada vez mais evoluído e competitivo a superiorizar-se a todos os restantes pilotos, com Hélder Fernandes a conseguir a segunda posição, algo pressionado pelo cada vez mais competitivo Marco Gameiro, que fechou o pódio para o Team Energia Racing.

Na Divisão 1, com os carros mais potentes e (teoricamente) mais espectaculares, isso em Mação foi algo que não aconteceu, já que com apenas três pilotos na grelha de partida da Final, apenas Carlos Silva, o veterano piloto de 69 año, conseguiu que o seu carro, um potente Mitsubishi Lancer Evo VI, chegasse normalmente ao fim e assim acabou por vencer. Apesar de tudo, uma vitória que premeia um piloto que se recusa a envelhecer e continua com alma (e paciência) para andar nas corridas.

Nas Divisões 2 y 5, que devido ao pequeno número de participantes, correram juntos, depois de nos treinos cronometrados e nas 3 Mangas o domínio ter sido de Paulo Reis, em Renault Clio, este viu partir-se um martelo da culassa o que levou a que Reis searrastassepela pista até desistir. Sem o principal favorito, a Final foi dominada por Pedro Ribeiro (Opel Kadett)… até ao meio da última volta, com o Kadett a parar para desespero do piloto. Curiosamente, passado alguns [longos e demasiados] segundos, o Opel voltouà vidae permitiu ao desalentado piloto terminar a prova.

Com o azar de uns se aproveitam outros, e José Sousa, en Peugeot 205, até aí segundo, viucair-lhe no colouma vitória que já não esperaria. O piloto viseense, João Oliveira, em Opel Astra, fez uma prova em crescendo acabando porherdara segunda posição, com arepresentate feminina, Filipa Sanguedo, en Peugeot 206, a fechar o pódio, enquanto na Divisão 5, Helder Silva, em Opel Corsa, não teve (mesmo) adversários e (logicamente) venceu.

Passando à Divisão 6, a de Iniciação, podemos assistir em Mação a uma interessante corrida, dominada pelos pilotos do distrito de Viseu. Hugo Lopes, en Peugeot 106 foi o vencedor, enquanto o piloto de São Pedro do Sul, Bernardo Maia, em Toyota Starlet, apesar duma má partida, muito por culpa do piso, consegui chegar rapidamente a segundo e por lá se manteve até ao final. O vilarealense, Rafael Lobato, em Toyota Corolla, foi o terceiro.

Para o fim ficaram osmonstrosdo Camião Racing. Apesar de serem só cinco, os camiões conseguiram dar muito espectáculo e foram os que mais animaram o público. Eduardo Rodrigues liderou a corrida, sempre seguido de muito perto pelo seu filho José, até mesmo à entrada na última volta, com o seu MAN a ficar sem transmissão, o que permitiu a José Rodrigues, também em MAN vencer. Na segunda posição ficou Bruno Neto, em MAN, um piloto com uma condução espectaculare que no final levou o público ao rubro com vistoso piões! -com Angelino Reis, em Scania a fechar o pódio.

Fotos: Francisco Veloso (Formula Rali) e Editor Mm

 

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *


    *

    You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>